Joelhos e cotovelos ressecados? Saiba quais as causas e como evitar

Especialista esclarece os motivos e quais os possíveis tratamentos

Quem nunca se incomodou com cotovelos e joelhos escuros ou ressecados? O desconforto acontece tanto no frio quanto no calor e não escolhe tipo de pele. Isso ocorre pois os cotovelos e joelhos são regiões com muita elasticidade e produzem menos glândulas sebáceas, deixando-os ressecados e ásperos. Outro fator que contribui para o escurecimento é o atrito, maior nessas regiões.

Segunda a dermatologista Íris Flório a mudança de cor nada mais é do que uma resposta de defesa do corpo. "Nessas regiões é comum encontrar uma maior quantidade de melanócitos. Isso ocorre para garantir proteção a pele. Consequentemente as glândulas produzem mais melanina, provocando o escurecimento."

Para prevenir é necessário a hidratação diariamente, evitando também, o aspecto de envelhecimento. "A rotina de hidratação não pode excluir os cotovelos e joelhos. A dica é: sempre que sair do banho, separe ao menos 5 minutos para cuidar do corpo e hidratar todas as regiões", sugere Flório.
Quando apresentado essas características, o escurecimento e o enrugamento podem ser amenizados com cuidados simples, como cremes clareadores e tratamentos estéticos.

Porém, tudo isso pode variar de pessoa para pessoa e é necessário entender cada caso e qual é a melhor solução para cada situação. "Consultar um dermatologista é o melhor caminho para entender as causas e soluções, já que o problema é facilmente tratável", afirma a especialista.

Sobre a Especialista:
Doutora Íris Flório é médica formada pela Faculdade de Medicina de Taubaté. Possui pós graduação em Estética Médica pelo Ibrape e Pós graduação em Dermatologia e Cirurgia Dermatologica pelo Instituto BWS. É membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Clínica Cirúrgica desde 2009 e Proprietária e Médica responsável pela Clínica Doutora Íris Flório.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages